teste122

Jovens de Jundiaí querem mudar a lógica das eleições

ONG Voto Consciente em Jundiaí pretende dar continuidade ao projeto Cidadanos, que contou com a colaboração de mais de 3000 jundiaenses e produziu a carta de prioridades da cidade.

As eleições no Brasil acontecem a cada dois anos, alternando entre candidatos a cargos municipais e majoritários. Sempre que esses momentos aparecem surge a dúvida em quem votar e por que e, em Jundiaí, a ONG (Organização Não Governamental) Voto Consciente está buscando facilitar esse processo de escolha por meio de uma Ficha Pública, construída a partir da Agenda Cidadã da cidade, que contém as 12 ideias mais relevantes para os jundiaenses que participaram do Concurso Cidadonos em 2011, e as metas das coligações que disputarão o pleito em 2012 para executá-la.

A ONG Voto consciente possui núcleos em várias partes do país, inclusive na cidade de Jundiaí, onde o coletivo realizou no ano de 2011 um concurso junto aos cidadãos que teve como produto final uma carta com as 12 propostas mais relevantes da cidade. “O resultado foi muito bom, tivemos mais de 1000 propostas feitas e mais de 3000 jundiaienses participando”, relata Nikolas Schiozer, membro do Voto Jundiaí.

Este ano a organização pretende dar um novo passo, distribuir na cidade 20 mil exemplares de uma Ficha Pública que conterá as respostas de candidatos e coligações sobre as ideias do concurso, estabelecendo metas e prazos de execução. Além disso uma série de Encontros de Cidadania serão realizados na cidade, para explicar qual a função do Prefeito, dos Vereadores, quais são as regras das eleições e como após o processo de escolha dos representantes elas podem participar do processo político e cobrar os eleitos. “Esperamos com isso contribuir para que a população vote de forma consciente, pesquisando todos os candidatos e que esteja qualificada para após as eleições poder participar de forma cidadã da política de nossa cidade”, conclui Nikolas.

Nosso sonho é uma cidade em que seus habitantes participem de forma ativa e cidadã da Política, acompanhando, cobrando e participando dela. – Nikolas Schiozer, Voto Consciente

Ecossistema de Webcidadania: Nossos objetivos são promover a cidadania e a inclusão social. Os meios que usamos são o acompanhamento dos trabalhos do Legislativo municipal, ações de educação política e articulação entre os setores privado, público e cidadão, para o fortalecimento de canais e espaços de participação e incidência em políticas públicas. – ONG Voto Consciente

Categories: Concursos de Ideias, Ecossistema Webcidadania

1 comment

  • joelma santiago

    Taí a melhor iniciativa popular dos últimos tempos! Parabéns a todos os envolvidos nesse projeto. Primeiro temos que saber o que queremos e esperemos dos políticos e depois sim, poderemos cobrar. Estabelecer prazo e metas para os governantes é também um jeito de otimizar a máquina pública, que está cada vez mais inchada e morosa. O não cumprimento dessas metas representará a falta de competência do político e, assim como no mercado de trabalho, acarretará em substituição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *