Chegou a hora de decidir as propostas vencedoras

Últimos dias para apoiar as ideias na plataforma

    O Concurso de Ideias Causas Comuns chegou à fase de Aplauso, momento de decidir as 12 propostas vencedoras, que ganharão visibilidade nas redes e serão apresentadas à Prefeitura de São Paulo e à sociedade em evento público.
Durante quatro meses, o projeto contou com a participação de 135 pessoas, que colaboraram para a construção de 76 propostas dentro dos temas: Transparência, Acesso à Justiça, Segurança e Paz.

DSC_0128    Até o momento, entre as propostas mais relevantes — aquelas com mais seguidores, comentários e apoios — estão: “Estações de Apoio para Ciclovias de São Paulo: Soluções Sustentáveis para a Segurança dos Usuários”, de autoria de Fernando Luis de Oliveira Costa, “Grêmio na Escola e Direitos Humanos Também”, ideia do jovem Bruno Souza de Araujo, “Transparência Imobiliária”, de Diego Rabatone Oliveira, e “Publicidade e Transparência nos Processos Municipais com Acesso e Busca Através de Portais de todos os Órgãos Municipais”, uma proposta construída colaborativamente pelo Movimento Voto Consciente.

    Agora, faltando menos de 10 dias para o fim dessa fase, é a hora de mobilizar amigos e redes, a fim de conseguir o maior número de apoios possível para fazer com que as propostas cadastradas na plataforma digital possam pautar e orientar políticas públicas para esse ano, construindo, assim, uma agenda comum para a cidade de São Paulo.

    O período de votação vai até 03 de fevereiro. Conheça as propostas e apoie: www.causascomuns.org.br

SOBRE O CONCURSO

    Promovido pelo Instituto Cidade Democrática, com o apoio da Open Society Foundations (OSF), o Concurso de Ideias Causas Comuns está alinhado ao Objetivo 16, dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) e busca favorecer as organizações da sociedade civil, movimentos socioambientais e cidadãos engajados nas áreas de Transparência, Acesso à Justiça, Segurança e Paz na cidade de São Paulo.

Categories: Concursos de Ideias

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *